sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Emicida se apresenta em New York, e critica lhe chama de “JAY-Z BRASILEIRO"

O rapper paulistano Emicida faz uma apresentação na Nova York East Village Radio, hoje à tarde. O chamado de “Jay-Z brasileiro” está hospedado na townhouse do músico e produtor K-Salaam, no Brooklyn, considerado “um dos lugares mais cools da do planeta no momento” pela pela revista GQ americana. O músico se apresentou no último sábado no The Creators Project, da Intel, também no Brooklyn, ao lado de estrelas como Florence and The Machine, Justice, Company Flow e com DJ set de Erykah Badu. No flyer do evento, a inscrição: “Ninguém precisa entender as letras em português para entender porque Emicida é chamado o Jay-Z brasileiro”.

Um dia antes, o rapper ganhou a estatueta de Clipe do Ano e Artista do Ano, a mais importante premiação da noite do Vídeo Music Brasil 2011 (VMB), em São Paulo. Logo depois, ele embarcou para Nova York para fazer algumas reuniões secretas de negócios e foi visto pelas ruas de Manhattan dentro de uma chamativa limousine — a MTV ameriana ficou sabendo e já mandou montar uma equipe para entrevistar o rapper. Emicida volta ao Brasil para um show em Vitória da Conquista, na Bahia, no sábado, e também foi um dos confirmados para tocar no festival SWU (Starts with you) no dia 12 de novembro, no palco Consciência, em Paulínia, São Paulo.


Ta faltando muito alguns discos de platina e uma Beyoncé do lado ehehe, é muito bom ver o Rap Brasileiro abrindo portas la fora, parabéns ao @Emicida, muito merecido e que voe ainda mais alto...

0 comentários:

Publicar um comentário