sexta-feira, 29 de abril de 2011

Prodigy defende Rick Ross e fala sobre colaborações

Numa recente entrevista, Prodigy defendeu a posição de Rick Ross no que toca a este ter tido uma carreira como agente da polícia.

“Rick Ross é apenas mais um dos muitos rappers que estamos a observar” disse P “Primeiro, ele era um agente de correcção, certo, e depois? Eu conheço muitos bófias, eu conheço muitos agentes de correcção. Conheço algumas pessoas que estão no outro lado da linha criminal, e, só porque você tem esse trabalho ou outro do género, isso não significa necessariamente que você seja parte dessas pessoas que nos miram e fodem a nossa vida, nem todo o tipo de agentes da lei é assim. Alguns não são assim… Não me incomoda que ele tenha sido agente de correcção, tipo, e depois?”

Prodigy também falou sobre as conversações com 50cent sobre procurar novos artistas para colaborações de forma a ajudar o renascimento dos Mobb Deep.

“Quando me libertaram, o 50 veio ver-me, ele apanhou um voo da Califórnia para me ver. Primeiro de tudo, eu fui directo da prisão para o escritório da G-Unit, depois, fui logo para o estúdio. Quando parei no escritório, tive uma conversa com o 50 e disse-lhe tipo ‘Yo, agora mesmo, estamos numa posição onde temos de começar as fazer sons com pessoas. Os Mobb Deep, temos de começar a fazer sons com muitas pessoas, e pessoas diferentes’. Basicamente, ele ficou tipo ‘Sim, tens razão’. Estamos mesmo tentando explodir.”

0 comentários:

Publicar um comentário